Causas e tratamentos da Fisioterapia em Bebês


>





A maioria dos casos são de causa infecciosa. Os microorganismos mais comuns são os vírus respiratórios entre os que se destaca o Adenovírus (mais grave). Por sua vez, existem outras causas infecciosas como as bacterianas menos frequentes mas podem ser mais graves. A pneumonia causada pelo streptococcus pneumoniae é a pneumonia bacteriana mais comum. Em geral, os pacientes com pneumonia bacteriana apresentam uma doença subjacente crônica ou aguda, que compromete as defesas do hospedeiro e é mais comum e mais presente durante os meses de inverno, nas zonas temperadas e entre indivíduos da população da idade de 15 a 45 anos.
Existem outros microorganismos que também provocam a pneumonia bacteriana, porém com freqüência bem menor; entre eles incluem-se a Klebsiella pneumoniae, Staphyloccus aureus, Haemophilus influenzae, Legionella peumophila. Pode ocorrer como uma forma lobar ou broncopneumônica.

Outro tipo de pneumonia são as denominadas Pneumonias Atípicas (produzidas por Hycoplasmas) que pode apresentar-se em aproximadamente 30% das crianças maiores de 5 anos.


Tratamento da pneumonia em crianças e bebês

Recomenda-se uma boa hidratação do paciente, o uso de nebulizadores (com ou sem gotas, dependendo da presença de obstrução bronquial), uso de determinados antibióticos que se devem ajustar tanto na dose como na idade para sua escolha.

O uso de antitussígenos não é recomendado, já que podem cortar o reflexo de defesa que dá a tosse e piorar o estado do paciente (atenção com isso), pois ao não tossir, não se eliminam as secreções, ficando retidas e produzindo um fator a mais para piorar a saúde do paciente.

Fisioterapia respiratória é importante para alívio dos sintomas e prevenção de complicações.

Deixe nas mãos do profissional a escolha do antibiótico a ser utilizado, e não automedique um suposto processo pulmonar.


Fisioterapia na Pneumonia

A fisioterapia respiratória em pacientes com pneumonia é de fundamental importância no alívio dos sintomas e rápida eliminação de secreções pulmonares, além de prevenir atelectasias que é o colapso de algumas regiões do pulmão. Através de manobras de higiene brônquica e técnicas de estímulo de tosse ou aspiração traqueal proporcionamos alívio do desconforto respiratório e melhora das trocas gasosas.

Você não pode perder:

Atualizações em Reabilitação Cardiopulmonar
eBook de Fisioterapia Hospitalar Completo
Drive Virtual de Fisioterapia

Share on Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment